Carta 26 - Os livros - Por Tânia Durão

Emanuel J Santos
Os livros (carta 26) são uma maneira fantástica para adquirir conhecimentos. Fazer pesquisas na internet, se informar sobre um assunto, enfim, aprender constitui um movimento intelectual que beneficia ao interessado e quem convive com ele.

Gosto muito de estudar, leio com avidez, aprecio bons livros que satisfaçam a minha ânsia por saber e conhecer coisas novas. Estou sempre disposta a fazer cursos e a aprender mais e mais. 

Amo o meu trabalho, sou terapeuta e adoro estar em contato com as pessoas, adoro estudar cada cliente que chega até mim. 

No meu trabalho, eu dou aulas de reiki e sobre As Cartas Ciganas e estimulo o interesse nos meus alunos para que pesquisem sobre o assunto da aula dada por mim. 

No meu caso, estudar e trabalhar constituem um só movimento. Admiro as pessoas cultas, que falam sobre vários assuntos e no meu entendimento, faz parte da cultura alguém questionar sobre um assunto que não conhece. 

É grandioso saber das coisas e poder discutir sobre vários temas. Tenho uma mente agitada e uma curiosidade perene que me faz ir em busca de novos conhecimentos, por isso gosto de pesquisar e de trocar informações.

Lembro que, na minha adolescência, eu ganhei um diário, para que eu pudesse escrever as minhas sensações sobre o mundo e sobre mim mesma. Escrevi muita poesia naquela época. Hoje, sinto que foi apenas um ensaio para algo maior que veio depois. Espero, para este ano de 2013, que eu faça movimentos para lançar o meu livro sobre As Cartas Ciganas!! Tenho facilidade para escrever, aprecio o mundo das palavras, mas confesso, não entendo o mundo dos números. rsrs

Mas me resguardo quando não quero me expor e sei guardar segredos como ninguém. Sempre fui discreta, desde menina, sei me calar quando a situação exige, até para proteger os meus clientes com unhas, dentes e silêncio, que só os anos de experiência no set terapêutico podem trazer. 

Há vários livros sobre As Cartas Ciganas, eu, infelizmente, só tenho 10...e li todos com uma avidez enlouquecida, aliás, eu não leio, eu estudo cada livro, sublinho o que eu considero importante, faço notas...

Somos capazes de aprender uma (ou mais profissões), somos capazes de nos manter na profissão que escolhemos. E somos capazes de nos resguardar, nos preservar, mantendo sigilo e guardando segredo, pois às vezes é preciso não se expor. 

Nota: dedico este post ao meu amigo Emanuel J Santos...Com gostinho de doce de leite...bem mineiro.