Carta 02 - O trevo - Qual o real tamanho do seu trevo?

Em meus atendimentos vejo que algumas pessoas tem por hábito se sentirem vítimas das situações, acumulam a auto-piedade, como se o mundo fosse acabar e, realmente, alimentam a pena por si mesmos, assim não se responsabilizam pelo próprio comportamento. E não crescem. Elas só conseguem ver o mau comportamento dos outros e se recusam a olhar para a própria conduta. 

Outras pessoas adoram dramatizar as situações, fazem uma verdadeira tempestade em um copo d´água raso, talvez na ânsia de angariar mais atenção. Ou por não saber lidar com as próprias emoções. Ou na intenção de manipular os outros do seu convívio. 

Sim, eu concordo que a vida está corrida e que está difícil acompanhar este ritmo frenético. 

Sim, eu concordo que o mundo está de cabeça para baixo e que as pessoas estão confusas. 

Mas há uma solução. Sempre há uma solução.

A solução é parar e se perguntar:
O que eu tenho que aprender com isso?
O que eu aprendi no casamento que fracassou?
Como eu reagi em tal situação? Poderia ter tido outra reação? 
Como eu me comporto? 
O que fulano me ensinou? 
O que a doença quer ensinar? (adoro esta interrogação)
Porque estou passando por esta experiência? 
Porque a minha alma atraiu este evento para mim? 
Porque eu sustentei um relacionamento nocivo por tanto tempo?
Porque pessoas tóxicas se aproximam de mim? 

Você costuma fazer uma auto-análise? 

Pare de potencializar os seus problemas.
Qual o real tamanho dos seus trevos (carta 02)?

Fica a dica, para uma reflexão.



Nota: As Cartas Ciganas ou Baralho Lenormand ou Baralho Cigano não estão vinculados a nenhuma religião. 
Quem me conhece de perto sabe que eu não sigo religião nenhuma, mas o vídeo de Claudio Duarte é perfeito para descrever o significado da carta 02 (trevo). 

"Pare de potenciar os seus problemas". 
Resolva os seus problemas e vá dormir em paz.